A coluna de hoje do jornalista Murillo de Aragão tem o seguinte título: Acaso e serendipidade

A palavra chama a atenção, porque trata-se de uma tradução direta do inglês. Serendipity signifca o que brasileiro chama de “dar uma ca$@#da” ou ter uma sorte inesperada.

Uma olhada no Google mostra que muitos estão usando a palavra em português simplesmente transliterada do inglês. Usar a terminação dade quando traduzindo um substantivo do inglês para o português é o mesmo que o nosso famigerado “ation” ao traduzir do português para o inglês. Resultado: inglês do Joel Santana.

A regra é clara: serendipidade é uma palavra que não existe.

Imagem: Direitos Autorais de O Globo / Blog do Noblat

Imagem em Destaque