O malware/virus “Mazar” para Android ataca somente dispositivos cujo idioma principal não seja o russo.

O alerta foi dado pela Heimdal Security, da Dinamarca. O malware obtém acesso root ao dispositivo e consegue tomar controle total do sistema operacional.

O vetor de contágio é o envio de mensagems MMS. Uma vez que tenha executado o exploit, o Mazar procura servidores criptografados na rede Tor e baixa a carga contendo o virus.

Vários exploits que utilizam o Mazar estão circulando na internet, inclusive um módulo que permite que o virus seja injetado no navegador Chrome e, assim, interferir em toda sua navegação WWW no smartphone ou tablet. É possível que, enquanto contido no Chrome, o Mazar capture senhas e as envie de forma criptografada via Tor.

Prevenção

Infelizmente a única forma de evitar o contágio é não abrir mensagems SMS ou MMS no aparelho. A outra medida é desabilitar a instalação de softwares de fontes desconhecidas. Essa opção é muito usada para permitir a instalação de pacotes de terceiros ou não originados na loja oficial Google. Desabilite essa possibilidade enquanto não estiver baixando algum software necessário.

Por fim, há também a opção de colocar o idioma do aparelho em russo. Mas talvez esse não seja o método mais conveniente.

Imagem em Destaque