Há 500 anos os botequeiros brasileiros praticam a Beer Yoga sem querer, apenas não lhe conferiam esse sofisticado título anglo-saxão. A posição predileta dos beeyogueiros brasileiros é de pé nos balcões ou sentados, alongando a espinha dorsal. Mas, falando sério, eis que você pode ter a certeza de que em breve a novidade no pedaço : Yoga Etílica ou, mais precisamente, Yoga da Cerveja, chegará também ao Brasil..

Segundo o blog oficial BierYoga, dos instrutores Emily e Jhula, o Beer Yoga, ou Bieryoga em alemão, combina duas das paixões das pessoas: cerveja e praticar um atividade saudável enquanto se degusta uma loiraça estupidamente gelada.

Foto: Divulgação Beer Yoga / Bier Yoga

Primeiramente devemos frisar que, apesar do ar descontraído, a Beer Yoga tem um fundamento bastante interessante. Segundo a autora do Beer Asana, o Beer Yoga é “a porta de entrada para o esporte”. Ou seja, em vez do alcool ser a porte de entrada para outras drogas, torna-se a porta de entrada de quem bebe para a atividade física:

Segundo a norte-americana Jenny Miller, professora de yoga e dona do blog BeerAsana, a cerveja pode, sim, ser o caminho para uma vida mais harmônica. “As aulas são uma porta de entrada para pessoas que não se acham saudáveis. Elas começam a praticar a Beer Yoga e acabam vivendo e comendo muito melhor do que antes”, diz a professora.

O blog oficial BierYoga afirma que a idade mínima para a prática é de 16 anos na Alemanha. Essa idade seria incompatível com a idade mínima para venda de bebidas a menores no Brasil. Logo, diferente dos bavários, os futuros praticantes de Beer Yoga no Brasil terão que ter mais de 18 anos.

Como esperado, a BierYoga ja possui página no Facebook, que você pode acompanhar aqui.

Cerveja e Exercício Físico em Geral

Diversas publicações apresentam a cerveja como bebida de resposição após esforços fisicos. Reportagem da Men’s Fitness, por exemplo, cita a cerveja como nutriente que contém água, eletrólitos e é 100% vegetal, ou seja agrada aos não consumidores de carne. Pode então a cerveja servir como repositor? A resposta é: depende da dose.

O álcool é um desidratante ferrenho, causando reações muito desagradáveis quando consumido em excesso. Porém, em pequena quantidade, é um excelente relaxante pós-treino e os demais ingredientes da cerveja lhe dão características de uma bebida extremamente saudável. Portanto: cuidado apenas com o consumo excessivo de álcool, pois 95% da cerveja é um excelente repositor e relaxante pós-exercício.

Qual a dose correta de cerveja pós exercício?

Segundo um triatleta brasileiro de nível mundial consultado pelo TICs.TAXi : a resposta é UMA latinha de no máximo 350ml.

E repetiu: “veja bem o que estou falando, UMA latinha de cerveja é a dose saudável pós exercício, não mais”.

 

Fotos: Copyright(C) Beer Yoga, BierYoga, divulgação.

Imagem em Destaque